O nome de Deus e o culto familiar

A respiração é um ato mecânico. Não paramos para pensar nesse ato, mas o fazemos. Alguns estudiosos dizem que o nome de Deus é tão santo que é o som da respiração, em hebraico.

Sendo assim, quando respiramos, estamos proclamando o nome de Deus. Deus é o ar, o vento, o poder que coordena tudo e todos. Quão bom seria encontrarmos Deus para agradecer pessoalmente por tantas bênçãos recebidas e também encontrar respostas a tantas perguntas.

Na Bíblia, há três pessoas que tiveram um encontro com Deus: Enoque, Moisés e Elias – homens de profunda comunhão com Deus. Em 1 Reis 18:33-38 , podemos ler:

“Então, armou a lenha, dividiu o novilho em pedaços, pô-lo sobre a lenha e disse: Enchei de água quatro cântaros e derramai-a sobre o holocausto e sobre a lenha. Disse ainda: Fazei-o segunda vez; e o fizeram. Disse mais: Fazei-o terceira vez; e o fizeram terceira vez. De maneira que a água corria ao redor do altar; ele encheu também de água o rego.

No devido tempo, para se apresentar a oferta de manjares, aproximou-se o profeta Elias e disse: Ó Senhor, Deus de Abraão, de Isaque e de Israel, fique, hoje, sabido que Tu és Deus em Israel, e que eu sou teu servo e que, segundo a Tua palavra, fiz todas estas coisas. Responde-me, Senhor, responde-me, para que este povo saiba que Tu, Senhor, és Deus e que a Ti fizeste retroceder o coração deles. Então, caiu fogo do Senhor, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e a terra, e ainda lambeu a água que estava no rego.”

Nesse texto, percebemos o contato que Elias tinha com Deus. Era um contato diário. Esse contato não se resume a uma oração, mas inclui estar juntos para um culto familiar, estudando a Palavra de Deus, lendo o que Ele quer nos falar naquele dia e seguindo as orientações divinas. Com a correria do dia a dia, muitas vezes esse contato, entre Deus e a família, não ocorre. Não deixe que isso aconteça na sua família! Estabeleça esse momento para um encontro especial e diário com Deus.

Elias, como ser humano e ameaçado por Jezabel, teve medo e fugiu para o deserto, no intuito de salvar sua vida. (Leia 1 Reis 19:1-18 e confira.) Chegando ao deserto, sentia-se muito mal e queria morrer, mas Deus enviou um anjo para cuidar dele. Deus não desiste de ninguém, nem de quem foge dEle.

Você já se sentiu nessa situação? Já quis ficar longe de Deus? Em momentos de desespero, de angústia, podemos ter uma reação inesperada como essa; mas Deus, mesmo assim, não nos abandona nunca!

Elias, no Monte Horebe, sentiu a presença de Deus por meio de uma brisa suave, como uma respiração. Elias ouviu, obedeceu e voltou a olhar para Deus como criador e mantenedor da vida.

Acredite, Deus espera você e seus familiares com calma e doçura, para abençoá-los e salvá-los. É só ouvir, obedecer e olhar para esse Deus de amor.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA
A BÍBLIA SAGRADA. 2. ed. Tradução de João Ferreira de Almeida, revista e atualizada no Brasil. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1993.

Autor:  Luciana Moraes Jardim.

Sobre Weleson Fernandes

Escritor & Evangelista da União Central Brasileira

Verifique também

PASSOS NA FORMAÇÃO DO LAR

  INTRODUÇÃO: 1. Poucos são capazes de imaginar o poder e os resultados que estão …

POR QUE ALGUNS PAIS FALHAM?

  Introdução: 1. Deus enviou o jovem profeta Samuel com a seguinte mensagem para Eli:2. …

Um Lar Segundo a Vontade de Deus

  Introdução: 1. Ler Ecl. 4:9-10, 12…2. A aritmética é a arte de calcular…3. Meus …

Deixe uma resposta

×

Sejam Bem Vindos!

Sejam bem Vindo ao Portal Weleson Fernandes !  Deixe um recado, assim que possível irei retornar

×
%d blogueiros gostam disto: