Ativismo LGBT quer atingir as crianças, alerta ex-homossexual: “Está na hora de pararmos de viver ilusões”

Uma das coisas que mais irrita o ativismo LGBT é quando cristãos denunciam suas estratégias, especialmente no que diz respeito ao envolvimento das crianças. Esse foi um dos alertas feito pelo pastor David Kyle Foster, autor de vários livros na área da sexualidade segundo a perspectiva cristã, além de ser palestrante e evangelista, conhecido em várias partes do mundo.

Em uma publicação feita pelo portal Charisma News, Foster fez questão de ressaltar que a sua posição contra o ativismo LGBT não é por razões políticas ou ideológicas, mas por convicção científica e também de fé. Ele próprio foi um homossexual, mas deixou de ser ao conhecer o evangelho de Cristo e compreender as razões que contribuíram para o desenvolvimento da sua orientação sexual.

“Porque eles nos odeiam? É por amor que proclamamos as boas novas que Jesus Cristo pode libertar o cativo. É por nossa própria experiência, como ex-gays, que gritamos dos telhados que qualquer um deseje se arrepender de seu pecado pode ser perdoado e curado daquelas coisas que estão destruindo suas vidas”, disse ele.

Foster atribui o desenvolvimento da homossexualidade a fatores culturais, familiares e traumáticos, como o abuso sexual. Segundo ele, isso contribui para outros dilemas de saúde mental:

“Existem muitos estudos clínicos mostrando que [o homossexualismo] pode ser o resultado de trauma, negligência, abuso e/ou uma série de outras causas ao mesmo tempo”, disse ele, apontando que a situação conflituosa de quem vivencia o estilo de vida homossexual é “significativamente mais alta, bem como de abuso de entorpecentes, depressão e outros problemas de saúde mental”.

Por fim, o pastor afirmou que as crianças são os principais alvos do ativismo LGBT, alertando que a intenção dos militantes é atuar na área jurídica, para que os filhos tenham autonomia para decidir, se preciso, sua própria vida sexual, independentemente da orientação dos pais:

“Eles estão tentando aprovar novas legislações que impedem os pais de se manifestarem contrários a decisões que afetam a vida inteira de uma pessoa, como tratamentos hormonais e mudanças de sexo”, disse Foster. “O que está em jogo é a saúde emocional e espiritual de nossos filhos, que estão sendo sacrificados no altar do engano, do dinheiro e do ganho político. Está na hora de pararmos de viver de ilusões e fazermos o que é certo”, finalizou.

 

Fonte: Notícias Gospel Mais

Sobre Weleson Fernandes

Avatar
Escritor & Evangelista da União Central Brasileira

Verifique também

A guerreira Damares contra o carnaval dos baixinhos

Nota: Estou republicando esse post. Algumas pessoas me chamaram atenção de que não era recomendável …

Pastor prega que homossexualidade é pecado e fiéis abandonam culto

Assim que o pastor começou um sermão falando contra a homossexualidade, os membros da igreja …

Pastor diz que a igreja está sendo “ridícula” por se preocupar mais com eventos e não com vidas

O pastor Francis Chan é autor de vários livros e fundador da Eternity Bible College, uma faculdade …

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: