Os Anjos de Deus

A existência de um mundo invisível aos olhos humanos se acha claramente revelada nas Escrituras Sagradas. Há uma tendência moderna e crescente para incredulidade na existência de espíritos maus. E os santos anjos são considerados por muitos como espíritos de homens que já morreram.

No entanto, a Palavra de Deus nos apresenta provas inquestionáveis de que os anjos se constituem numa classe de criaturas superiores e diferente da humanidade. Em Hebreus 1:14, encontramos a seguinte definição dos anjos: “Não são todos eles espíritos ministradores, enviados a servir em favor daqueles que hão de herdar a salvação?” Os anjos, portanto, são seres espirituais. Embora não possamos compreender com totalidade o que isto significa, ao pesquisarmos a Bíblia, suas atividades e características, podemos ter uma idéia do que possa ser um anjo.

Os anjos são criaturas. Na primeira carta de Paulo a Timóteo, capítulo seis, versículo 15, nos é dito que somente Deus tem a imortalidade. Logo, os anjos não possuem vida em si mesmos, mas são seres criados. Criaturas trazidas a existência antes de ser citado nosso mundo, embora a Bíblia não nos revele quando.

Os anjos não são seres humanos. Salmo 8:4 e 5, afirma que embora os homens tenham sido criados e cobertos de glória e honra, foram formados um pouco menores do que os anjos. Fica claro, portanto, que os anjos não são seres humanos.

Algumas características dos anjos: são seres dotados de grande poder; ministram a favor dos seres humanos. Quanto ao número de anjos, a Bíblia diz que são milhões e milhares de milhares (Apocalipse 5:11).

Seria interessante acompanharmos as atividades de um anjo por um dia. Não compreendemos plenamente tudo o que estes seres realizam. E o melhor que podemos fazer é juntar os relatos bíblicos que falam das suas atividades e compor um quadro onde podemos ver os anjos em ação. Feito isso, o resultado é confortador e encorajador, pois revela um profundo interesse de Deus para com Seus filhos. Eles cumprem as ordens de Deus (Salmo 103:20). Os anjos serviram a Jesus em Sua vida terrestre (Mateus 4:11 e Lucas 22:43). Protegem e livram o povo de Deus. Salmo 34:7 diz que “o anjo do Senhor se acampa ao redor dos que temem a Deus e os livra”. No Salmo 91:11 encontramos outra promessa maravilhosa: “Porque a Seus anjos dará ordem a teu respeito para te guardarem em todos os teus caminhos”. Que pensamentos maravilhosos! Saber que não estamos sozinhos! Ter a certeza de que um anjo nos acompanha nos momentos em que mais necessitamos de amparo e proteção!

Os anjos também conservam um registro de todas as ações humanas. Daniel, no capítulo 7, versículo 10, registra uma cena relativa ao juízo que Deus exerce para com os habitantes da Terra. Descreve a existência de livros onde estão anotadas todas as nossas ações.

Eles anotam com impressionante exatidão todas as atividades dos filhos dos homens. Todo empenho positivo, todo esforço no sentido do bem, seja em palavras ou atos é registrado nos livros do céu. Igualmente preciso, é o registro que contém as más palavras, os atos egoístas, as ações pecaminosas.

Desta maneira, tudo aquilo que realizamos ou deixamos de realizar, se acha registrado nos livros celestiais. E quando Deus trouxer à luz todas as obras para serem julgadas, os livros serão abertos, e tudo o que estiver ali registrado testemunhará para a vida ou para a morte.

Outra boa notícia da Bíblia sobre os anjos é que eles acompanharão Jesus em Sua volta. Quando Jesus retornar a esta terra, para dar a cada um a recompensa segundo suas obras, virá na companhia de todos os Seus anjos. Mateus 24:31 e 25:31 falam a esse respeito.

Caberá aos anjos ajuntar os escolhidos de Deus, os salvos de todos os tempos, para que possam encontrar o Senhor nos ares e receber o prêmio da vida eterna.

Nessa oportunidade, acontecerá uma das mais comoventes e emocionantes cenas. Os anjos devolverão aos pais os seus pequeninos que um dia morreram. Agora são devolvidos cheios de vida e em perfeito estado. Você, prezado amigo, que já teve que sofrer a dor aguda da perda de um filhinho, não se desespere. Prepare-se e permaneça fiel a Deus e esta promessa se cumprirá em sua vida. O profeta Zacarias, no capítulo 8:5 escreveu que as ruas da Nova Jerusalém “se encherão de meninos e meninas, que nelas brincarão.”

Outro lance de grande emoção será poder conhecer o nosso anjo da guarda. Desde o dia que fomos gerados, Deus destacou um anjo para nos acompanhar. De quantos perigos nos terá livrado! Quantas tentações suportadas com sua ajuda! Aquele que vigiou os passos e cobriu nossa cabeça nos momentos de dificuldade e que esteve ao lado no vale da sombra da morte, assinala o lugar da sepultura e será o primeiro a nos saudar na manhã da ressurreição!

Que fortes emoções despertarão ao conhecer face a face este querido amigo de todas as horas, o nosso anjo da guarda. Quantas horas passaremos em sua companhia, aprendendo do amor e cuidado de Deus e revelando os mistérios de nossa própria vida até então para nós desconhecidos.

Louve a Deus pela existência dos anjos, colocados para proteger cada um de nós.

Autor: Pr. Montano de Barros

Sobre Weleson Fernandes

Escritor & Evangelista da União Central Brasileira

Verifique também

Sermão 10 – QUAL É A IGREJA QUE CRESCE?

ASSUNTO: Crescimento da igreja. OBJETIVO: Incentivar os irmãos a porem em prática duas características: Intrepidez …

Sermão 9 – OS ELOS DE UMA CORRENTE

ASSUNTO: “União” OBJETIVO: Despertar a necessidade de união entre os membros e o amor ao …

Sermão 8 – O VERDADEIRO DESCANSO

TEMA: Vida espiritual. PROPÓSITO: Levar a igreja a compreenderam vida de descanso TEXTO “ Vinde …

Deixe uma resposta

×

Sejam Bem Vindos!

Sejam bem Vindo ao Portal Weleson Fernandes !  Deixe um recado, assim que possível irei retornar

×
%d blogueiros gostam disto: